Quem escreve

Minha foto
Sou Engenheira Agrônoma formada pela faculdade Fead Minas, com dois anos de experiência em Geoprocessamento na área ambiental e de produção vegetal e animal. Criei um blog com o intuito de ajudar novos colegas ingressantes no curso, posto todos os trabalhos e matérias que estão ao alcance,além de posts relacionados à atualidades e tudo mais sobre agronomia. Caso precisem de ajuda relacionada à matérias não postadas, ou qualquer dúvida podem deixar nos comentários ou solicitar por e-mail, que eu farei o máximo para responder.

domingo, 1 de novembro de 2009

Técnicas de Medidas de Massa, Volume e Temperatura

Objetivos
Aprendizado de técnicas de medidas de temperatura, massa e volume.
Diferenciar as vidrarias volumétricas das graduadas;
Utilizar algarismos significativos;
Distinguir o significado de precisão e exatidão.

Materiais
Béqueres 100 e 500 mL; Termômetro; Bastão de vidro; Proveta de 25 mL;
Pipeta volumétrica de 25 mL: Pisseta; Balança; Conta-gotas.

Reagentes
Gelo e água


Procedimentos

A) Medidas de temperatura
A1) Colocamos cerca de 200 mL de água de torneira em um béquer e medimos a temperatura utilizando um termômetro
A2) Colocamos no béquer 3 cubos de gelo picado. Agitamos com um bastão de vidro e medimos a temperatura da mistura água/ gelo, a cada minuto, até que ela ficou constante.
A3) Esse procedimento deve ser feito em triplicata. Porém, por problemas alheios a nossa vontade o procedimento pode ser realizado apenas uma vez.
A4) Anotamos todas as medidas efetuadas em uma tabela (tempo e temperatura).
A5) Construímos um gráfico Temperatura X Tempo

B) Medidas de massa
B1) Determinamos a massa de uma proveta de 25 mL. Adicionamos à proveta 100 gotas de água destilada utilizando um conta-gotas, determinamos a massa novamente. Determinamos o volume das 100 gotas de água na própria proveta. Determinamos a massa e o volume de uma gota e a massa equivalente a 1 mL de água. Esse procedimento foi feito em triplicata. Verificamos a temperatura da água.


C) Medidas de volume
C1. Pesamos um béquer de 100 mℓ e anotamos a massa.
C2. Medimos 25 mℓ de água em uma proveta (verificamos a temperatura da água), transfirimos para o béquer e o pesamos.
C3. Adicionamos mais 25 mℓ de água ao béquer e o pesamos. Repetimos a etapa mais uma vez.
C4. Executamos o mesmo procedimento utilizando uma pipeta volumétrica de 25 mℓ.


Resultados e cálculos

A) Medidas de temperatura

TABELA


B) Medidas de massa
Massa da proveta: 31,370
100 gotas de água destilada








Média das massas: 2,835 + 3,353 + 3,498 /3 = 3,228


Calculamos o erro: (3,228 – 2,835) +(3,228 – 3,353) + (3,228 – 3,498) = + 0,002

Expressamos a massa de 100 gotas de água destilada encontrada dessa forma:
3,228 + 0,002g

Massa encontrada para uma gota de água destilada: 100 gotas = 3,228/ 100 =
0,032 + 0,002g
Volume encontrado para uma gota de água destilada: 3,0/100 = 0,03 ml
Massa encontrada para 1ml de água destilada: 3,228/3= 1,076 + 0,002


C) Medidas de volume

Massa do béquer : 51,709
Temperatura da água no inicio do experimento: 28,0°C







Utilizando a tabela de densidades descobrimos que a 28°C a densidade da água é igual a
0,996232g/0,001ml
Massa de água correspondente a 25 ml a 28°C: 24,9058g.


A) Medidas de temperatura
Discussão:
Sabe-se que nesse tipo de experimento, se o volume da água gelada for igual ao volume da água à temperatura ambiente, a temperatura do equilíbrio deve ser igual a média aritmética entre a temperatura inicial e a temperatura da água gelada. Porém no equilíbrio a temperatura foi de 12,0°C, diferente da média que seria 17,7°C.
Conclusão:
Sabe-se que o volume da água aumentou quando o gelo foi adicionado, o que pode ter causado a margem de erro entre a temperatura do equilíbrio e a média.

B) Medidas de massa
Discussão:
O volume conhecido para uma gota de água à temperatura ambiente varia de 0,03ml a 0,05ml. O volume por nós determinado é 0,03ml.
A massa conhecida para uma gota de água à temperatura ambiente também varia de 0,03g a 0,05g e a massa por nós determinada é de 0,032 + 0,002.
A massa conhecida para 1ml de água é de 1g e a massa por nós determinada é de 1,076 + 0,002.
Conclusão
A maioria das medidas foi exata. As que não foram, são explicadas por erros de medição.

C) Medidas de Volume
Discussão:
A massa da água correspondente a 25ml determinada com a ajuda da tabela de densidades é de 24,9058g a 28°. A massa determinada com o volume medida da balança é de 23,912 (volume medido com o béquer) e 24,790 ( volume medido com a pipeta volumétrica).
Conclusão
A massa mais exata foi através do volume medido com a pipeta volumétrica, o que já era esperado pois, o béquer não é aparelho de medida de volume.



Referência
BISQUOLO, Paulo Augusto. Calorimetria. Disponível em: http://educacao.uol.com.br/planos-aula/ult3907u93.jhtm. Acesso em: 9 de setembro de 2009.

4 comentários:

  1. parabens pelo relatorio
    ficou mt bom
    e me ajudou muito para entender o experimento

    ResponderExcluir
  2. Que bom que ajudou. espero poder ajudar outras vezes. Beijos!

    ResponderExcluir